Portal Brasil Acesso à Informação Portal Brasil

Página Inicial da Eletronorte Eletronorte
» Página Inicial » Fale Conosco » Mapa do Site

Pesquise na Eletronorte:

busca avançada



Chamada Pública - Inscrição para Negócios de Geração e Transmissão Transparência Pública Canal de Denúncia Acesso à Informação da Eletronorte Portal da Transparência do Governo Federal Prestação de Contas Edital de Eventos do Setor Elétrico

Meio Ambiente

Preservando a Biodiversidade Amazônica e a Cultura BrasileiraEm todos os projetos da Eletronorte são realizados estudos ambientais com finalidade de desenvolver e conservar a natureza

A geração de energia elétrica e a Amazônia são temas que sempre estão presentes nas discussões nacionais e internacionais sobre meio ambiente e desenvolvimento sustentável, por conta do grande potencial de geração hidráulica da Região Norte do Brasil. 

A Eletrobras Eletronorte é grande conhecedora da Floresta Amazônica. Em todos os seus projetos são realizados estudos ambientais, em parceria com as mais capacitadas instituições técnicas e científicas, a fim de aliar desenvolvimento e conservação da natureza, com foco na qualidade de vida dos seres humanos. 

Com o objetivo de proteger, conservar e manejar a fauna, a flora, as águas e as tradições amazônicas, a Eletrobras Eletronorte criou uma ampla organização interna, responsável pelos estudos ambientais, centros de proteção ambiental nas maiores usinas e equipes técnicas com profissionais especializados nas mais diversas áreas do conhecimento ambiental.


GERENCIAMENTO AMBIENTAL
O gerenciamento ambiental da Usina Hidrelétrica Tucuruí está orientado por um Plano de Ações Ambientais. Trata-se de uma ferramenta de gestão utilizada pela Eletrobras Eletronorte para ordenar as ações, demandas e compromissos da Empresa quanto às questões ambientais. 

Programa de Pesca e Ictiofauna

Busca alcançar o desenvolvimento sustentável da pesca e melhoria da qualidade de vida das comunidades de pescadores no reservatório e no Rio Tocantins, a jusante da Usina. Em Tucuruí, mais de dez mil pescadores produzem seis mil toneladas de pescados por ano. O Programa envolve conservação das espécies de peixes e de seus habitats, gerenciamento do estoque pesqueiro, capacitação profissional para 3.500 pescadores e distribuição de alevinos de espécies regionais para projetos de criação de peixes em tanques-rede.
 

Programa de Limnologia e Qualidade da Água

Iniciado em 1985, logo após o enchimento do reservatório, o Programa monitora os ecossistemas aquáticos e a qualidade da água do lago de Tucuruí e do Rio Tocantins, a jusante da barragem. O monitoramento contínuo de indicadores aponta para uma melhoria da qualidade da água tendendo ao equilíbrio. 

O monitoramento contínuo de indicadores aponta para uma melhoria da qualidade da água tendendo ao equilíbrio

 

Programa de Mitigação dos Efeitos do Deplecionamento do Reservatório
Durante a estação da seca há redução do volume de água no reservatório de Tucuruí, processo conhecido como deplecionamento. Nesse período são realizadas ações que se concentram basicamente na abertura de canais de rios e igarapés obstruídos por plantas aquáticas. Peixes e outros organismos aquáticos aprisionados são transportados para o lago, e as atividades de fiscalização ambiental são intensificadas. 

Programa de Recuperação de Áreas Degradadas
Esse Programa prevê a recuperação de cerca de 340 hectares de áreas de empréstimo mineral que foram utilizadas pelas obras de implantação da barragem. Até o momento 90% da área encontra-se em processo de recuperação ativa, com cerca de cem espécies de plantas, entre arbóreas, arbustivas e herbáceas, produzidas nos viveiros da Empresa e plantadas com técnicas inovadoras como o uso de almofadas de compostagem, manejo de lixo orgânico proveniente da vila residencial da Usina e estímulo à ocupação pela fauna silvestre.

Programa de Germoplasma Florestal

Antes do enchimento do reservatório, a Eletrobras Eletronorte montou um banco genético com 82 espécies florestais coletadas. Posteriormente, ele foi ampliado para áreas de floresta nativa, onde foram identificadas cerca de 400 espécies de árvores que hoje servem para a produção de sementes e mudas de alta qualidade, utilizadas em programas de reflorestamento. O Programa também é uma alternativa de geração de renda para a comunidade indígena Parakanã, que já está comercializando sementes de espécies de importância comercial, como mogno, tatajuba e castanha-do-pará.

Aqui se trabalha com o DNA da Amazônia


Programa Relativo à Fauna

Com a implantação da Usina e a ocupação humana em seu entorno, tornou-se necessário conhecer a fauna local afetada e as medidas de conservação a serem tomadas para manter a biodiversidade regional. Por meio de um convênio com o Museu Paraense Emílio Goeldi, cerca de 20 pesquisadores estão conduzindo pesquisas na região, enfocando a fauna de mamíferos, aves, répteis e anfíbios.

MeioAmbiente7
Programa de Vigilância Entomológica

Tem por objetivo monitorar as populações de mosquitos que se proliferam na região e apontar ações de controle dessas espécies. Atualmente, a densidade média observada é compatível com os padrões amazônicos.


Programa de Educação Ambiental

Abrangendo os municípios de Tucuruí, Breu Branco, Novo Repartimento, Nova Ipixuna, Itupiranga, Jacundá e Goianésia do Pará, o programa é centrado em capacitações destinadas à formação e fortalecimento de líderes comunitários com ênfase no exercício das práticas de cidadania ambiental para atuarem em espaços públicos.

Programas Indígenas Waimiri Atroari e Parakanã
Implantados na década de 1980, a partir da construção das Usinas Hidrelétricas Balbina, no Amazonas e Tucuruí, no Pará, os programas buscam o equilíbrio das relações econômicas e culturais entre a comunidade indígena e a sociedade, garantindo o usufruto exclusivo pelos índios das terras demarcadas. Os programas estão estruturados em quatro linhas: educação, saúde, apoio à produção agrícola e proteção dos recursos naturais,

 

Programas Indígenas


® Centrais Elétricas do Norte do Brasil S.A - Eletrobras Eletronorte - SCN Quadra 06 Conj. A, Blocos B e C, Entrada Norte 2, Asa Norte - Cep 70.716-901 - Brasília/DF - tel. (61)3429-5151

Copyright© Eletrobras Eletronorte. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução do conteúdo deste site, desde que citada a fonte.