Página Inicial da Eletronorte Eletronorte
» Página Inicial » Fale Conosco » Mapa do Site

Pesquise na Eletronorte:

busca avançada



Chamada Pública - Inscrição para Negócios de Geração e Transmissão Transparência Pública Transparência Pública Acesso à Informação da Eletronorte Lei de Conflito de Interesses Prestação de Contas

Eletrobras investirá R$ 52 bilhões até 2017

28 de Março de 2013; Assessoria de Comunicação da Eletrobras

Valor está previsto no Plano Diretor de Negócios e Gestão divulgado em Brasília

 

A Eletrobras divulgou hoje (28) o Plano Diretor de Negócios e Gestão da companhia. Apresentado pelo presidente José da Costa, em Brasília, o plano prevê que, até 2017, a empresa investirá R$ 20,3 bilhões em novos projetos de geração, transmissão e distribuição, que se juntarão aos R$ 32,1 bilhões já contratados, totalizando R$ 52,4 bilhões. Estão previstas ainda ações como um plano de incentivo ao desligamento voluntário de profissionais de todas as empresas Eletrobras; a criação de uma Sociedade de Propósito Específico (SPE) para gerenciar as linhas de transmissão do Complexo do Madeira e de um Comitê Executivo para supervisionar a construção de Angra 3, além da continuação dos estudos visando reestruturar o negócio de Distribuição.

 

O presidente da companhia disse que, nos próximos quatro anos, as empresas Eletrobras preveem expandir a geração em 13.000 MW e as linhas de transmissão em 19.400 quilômetros, aumentando ainda a rede distribuição. No momento, estão em andamento projetos de geração que totalizam 23.200 MW – considerando projetos corporativos e aqueles em parceria com outras empresas -, sendo 88% de fonte hidráulica, 8,6% de fonte térmica e 3,4% de eólica ou solar. Nos próximos anos, entrarão em construção mais 570,6 MW – todos de fonte eólica – e avançarão os estudos de mais 20 mil MW, dos quais 18.900 MW oriundos de aproveitamentos hidrelétricos.

 

José da Costa informou também que a companhia trabalha com a expectativa de que cerca de cinco mil dos 27 mil empregados do Sistema Eletrobras decidam aderir ao Plano de Incentivo ao Desligamento, que será implementado ainda este ano. “Este plano pode levar a que haja sobra de pessoal em algumas empresas e falta em outras. Por isso, vamos fazer com que possa haver uma migração de um empregado de uma empresa para outra", disse o executivo.

 

O contingenciamento de 20% do orçamento de materiais, serviços e outras despesas de todas as empresas Eletrobras, em 2013, é outra medida prevista pelo Plano Diretor de Negócios e Gestão. A meta, porém, é maior. O objetivo, segundo o presidente José da Costa, é reduzir o custeio em 30% em três anos, e será alcançado com outras medidas que estão sendo elaboradas pela companhia.

 

A apresentação realizada pelo presidente da Eletrobras aos jornalistas hoje pode ser baixada aqui.

 

 


 



mais notícias


® Centrais Elétricas do Norte do Brasil S.A - Eletrobras Eletronorte - SCN Quadra 06 Conj. A, Blocos B e C, Entrada Norte 1, Asa Norte - CEP 70.716-901 - Brasília/DF
Telefone (61) 3429-5151

Copyright© Eletrobras Eletronorte. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução do conteúdo deste site, desde que citada a fonte.