Página Inicial da Eletronorte Eletronorte
» Página Inicial » Fale Conosco » Mapa do Site

Pesquise na Eletronorte:

busca avançada



Chamada Pública - Inscrição para Negócios de Geração e Transmissão Transparência Pública Transparência Pública Acesso à Informação da Eletronorte Lei de Conflito de Interesses Prestação de Contas

Projeto triplica capacidade da Usina Coaracy Nunes, no Amapá

15 de Agosto de 2012; Imprensa Eletrobras Eletronorte

A Usina Hidrelétrica Coaracy Nunes, no Amapá, terá sua capacidade mais do que triplicada com um projeto da Eletrobras Eletronorte que vai acrescentar 220 MW ao Sistema Interligado Nacional – SIN. O projeto foi entregue à Agência Nacional de Energia Elétrica – Aneel, no dia 27 de julho.

A Usina, que hoje tem 78 MW, terá 298 MW de potência que poderão ser escoados após a interligação do estado do Amapá ao SIN, por meio do linhão Tucuruí-Macapá-Manaus, cujas obras estão em andamento. O investimento é de cerca de R$ 550 milhões.
 
O empreendimento da segunda etapa ou segunda casa de força de Coaracy Nunes destaca-se pelo reduzido impacto ambiental, já que serão necessárias intervenções simples e completamente localizadas dentro da área da própria Usina, administrada pela Eletrobras Eletronorte.
 
O empreendimento da segunda etapa ou segunda casa de força de Coaracy Nunes destaca-se pelas características que o tornam um atraente investimento e pela ausência de interferência nas estruturas já existentes, necessitando apenas da remoção de um dique de pequenas dimensões para permitir o acesso ao novo canal de adução.
 
 “A obra será compacta e feita a seco, pois não há a necessidade de desvio do Rio, nem de formação de reservatório, nem tampouco da construção de vertedouro”, explica Álvaro Lima de Araújo, gerente de Estudos e Projeto Civil da Eletrobras Eletronorte.
 
Histórico - O Estudo de Inventário do Rio Araguari havia identificado um potencial hidrelétrico da UHE Coaracy Nunes ainda não explorado. “Desde então, tem sido estudada a possibilidade de ampliar a capacidade instalada da UHE Coaracy Nunes, considerando diversos fatores favoráveis como a queda d’água e a presença de estruturas já existentes, assim como a futura interligação do estado do Amapá ao SIN, o que viabilizaria um acréscimo significativo à sua capacidade de geração”, afirma Álvaro.
 
Em 2011, foi criado um Grupo de Trabalho na Eletrobras Eletronorte que, após realizar uma avaliação das medidas necessárias para a implantação de uma segunda casa de força, elaborou uma nota técnica apresentando uma análise técnica e econômica do novo empreendimento. Em janeiro de 2012, foi assinado um contrato com a PCE Engenharia para o desenvolvimento do Projeto Básico de Ampliação da Capacidade Instalada da Usina Hidrelétrica Coaracy Nunes.
 
A expectativa é que a Aneel avalie o projeto ainda este ano e, tão logo seja aprovado, a Empresa dará início ao processo de licitação para a contratação das obras, que devem ter duração de 36 a 40 meses.


mais notícias


® Centrais Elétricas do Norte do Brasil S.A - Eletrobras Eletronorte - SCN Quadra 06 Conj. A, Blocos B e C, Entrada Norte 1, Asa Norte - CEP 70.716-901 - Brasília/DF
Telefone (61) 3429-5151

Copyright© Eletrobras Eletronorte. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução do conteúdo deste site, desde que citada a fonte.