Página Inicial da Eletronorte Eletronorte
» Página Inicial » Fale Conosco » Mapa do Site

Pesquise na Eletronorte:

busca avançada



Chamada Pública - Inscrição para Negócios de Geração e Transmissão Transparência Pública Transparência Pública Acesso à Informação da Eletronorte Lei de Conflito de Interesses Prestação de Contas

Evento reúne representantes do setor elétrico mundial em Tucuruí

Melhores práticas de sustentabilidade em grandes hidrelétricas são tema de workshop
23 de Novembro de 2011; Imprensa Eletrobras

Autoridades do setor elétrico mundial estão reunidas, ontem e hoje (23), no Centro Cultural da Eletrobras Eletronorte, em Tucuruí (PA), para debater o desenvolvimento sustentável de projetos de empreendimentos hidrelétricos. Representantes de países como Brasil, França, Canadá, Rússia, Paraguai, Uruguai, Panamá e Chile participam do evento, que é promovido pela Comissão de Integração Energética Regional (Cier) e pela Global Sustainable Electricity Partnership (GSEP), organização da qual a Eletrobras faz parte, composta pelas maiores empresas de energia elétrica do mundo.

O encontro abre uma série de workshops da GSEP com o objetivo de difundir as melhores práticas de sustentabilidade em grandes centrais hidrelétricas. O Brasil foi escolhido, dentre os 11 países-membros da organização, para sediar a primeira edição do evento por ser considerado modelo em geração de energia sustentável. “Isso representa o reconhecimento em nível mundial da nossa experiência em implantação de grandes usinas e da importância das hidrelétricas como fator de desenvolvimento econômico e humano”, afirmou o superintendente da Coordenação Geral da Presidência da Eletrobras, Luiz Augusto Figueira.

Na abertura do evento, o presidente da Eletrobras Eletronorte, Josias Matos de Araujo, destacou as ações socioambientais realizadas pela empresa nas comunidades do entorno da hidrelétrica Tucuruí, no rio Tocantins (PA), como o Plano de Inserção Regional e o Plano Popular de Desenvolvimento Sustentável da Região a Jusante da UHE Tucuruí. “Por meio desses programas, a Eletronorte vai investir, em 20 anos, R$ 360 milhões em projetos de saúde pública, educação, meio ambiente, desenvolvimento urbano e agricultura familiar”, disse Araujo. Tucuruí, a maior hidrelétrica totalmente brasileira, com capacidade instalada de 8.370 MW, comemorou ontem (22) 27 anos de sua inauguração.

O representante da Cier, Carlos Mascimo, enfatizou o potencial hidrelétrico da América Latina. “As hidrelétricas têm um papel importante na matriz energética desses países e espera-se que, no futuro, tenham uma importância ainda maior”, afirmou Mascimo. Na Amazônia, as usinas em construção e em estudos, como Belo Monte, no rio Xingu (PA), e Santo Antônio e Jirau, no rio Madeira (RO), somam cerca de 42 mil megawatts de capacidade instalada.

“A hidreletricidade é a energia mais sustentável do mundo. As hidrelétricas têm uma enorme capacidade de contribuir para o desenvolvimento local e para a erradicação da pobreza. Além disso, ajudam a reduzir as emissões de CO2”, destacou Martine Provost, diretora executiva da GSEP. A organização participará da 17ª Conferência da ONU sobre Mudanças Climáticas (COP-17), que acontece de 28 de novembro a 9 de dezembro, na África do Sul. A GSEP é composta pelas empresas líderes do setor elétrico mundial: Eletrobras (Brasil), American Electric Power (Estados Unidos), Duke Energy (Estados Unidos), Électricité de France (França), Enel S.p.a. (Itália), Eskom (África do Sul), Hydro-Québec (Canadá), RusHydro (Rússia), Kansai Electric Power Company (Japão), RWE AG (Alemanha), State Grid Corporation of China (China), CFE (México) e Tepco (Japão).


Assessoria de Comunicação da Eletrobras
 



mais notícias


® Centrais Elétricas do Norte do Brasil S.A - Eletrobras Eletronorte - SCN Quadra 06 Conj. A, Blocos B e C, Entrada Norte 1, Asa Norte - CEP 70.716-901 - Brasília/DF
Telefone (61) 3429-5151

Copyright© Eletrobras Eletronorte. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução do conteúdo deste site, desde que citada a fonte.