Página Inicial da Eletronorte Eletronorte
» Página Inicial » Fale Conosco » Mapa do Site

Pesquise na Eletronorte:

busca avançada



Chamada Pública - Inscrição para Negócios de Geração e Transmissão Transparência Pública Transparência Pública Acesso à Informação da Eletronorte Lei de Conflito de Interesses Prestação de Contas

Dardanelos antecipa geração para janeiro de 2011

26 de Outubro de 2010; Diário de Cuiabá (MT)/Por Marcondes Maciel

A Energética Águas da Pedra, empresa criada pelo consórcio formado pela Neoenergia, Eletronorte, Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) e Construtora Norberto Odebrecht para construir o Aproveitamento Hidrelétrico (AHE) Dardanelos, no município de Aripuanã (a mais de mil quilômetros ao noroeste de Cuiabá), confirmou ontem o início do funcionamento da primeira turbina da usina (48 MegaWatts) em janeiro de 2011.

A partir daí, a cada 20 meses, entra em ação uma nova turbina até completar o cronograma de funcionamento, que contempla cinco unidades totalizando 261 MW de energia a ser acoplada ao Sistema Interligado Nacional (SIN) através das linhas de transmissão. O leilão que garante a venda da energia ao SIN já foi realizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). No total, a energia será produzida por seis turbinas, sendo a última de 29 MW.

Segundo a assessoria de imprensa da empresa, o prazo estabelecido para o funcionamento da primeira turbina é fevereiro de 2011. “Na verdade, decidimos antecipar a operação em um mês porque estamos com as obras bem adiantadas e queremos a acoplar a energia ao SIN o quanto antes”, disse a fonte, lembrando que o projeto demandou investimentos da ordem de R$ 600 milhões em um período de 36 meses.

Quando finalizado, o empreendimento será operado pela Empresa Energética Águas da Pedra, que é composta por Neoenergia (51%), Chesf (24,5%) e Eletronorte (24,5%).

A usina, que fica localizada à margem esquerda do rio Aripuanã, está gerando atualmente cerca de 500 empregos diretos. No pico das obras, o empreendimento chegou a gerar 1,5 mil empregos. “No momento, os equipamentos estão em fase de teste. Mas só falta concluir a montagem da última turbina, de 29 MW”.

A empresa garante que existem linhas de transmissão (LT) para distribuição da energia a ser gerada por Dardanelos. “Uma parte da LT é da Neoenergia, ligando Aripuanã a Juína, numa extensão de 168 quilômetros”, destacou a fonte. Atualmente, Aripuanã é abastecida com energia da Pequena Central Hidrelétrica (PCH) Faxinal, de 10 MW.

O traçado do linhão deverá acompanhar grande parte das margens das rodovias MTs 420 e 208. Esta linha terá tensão nominal de operação de 230 quilowatts (kW), podendo ainda ser utilizada para conexão de transmissão nas telecomunicações em geral (telefones, internet, rádios, TVs e outros), viabilizando projetos empresariais e aumento da oferta de emprego e melhoria na qualidade de vida da população.

IMPACTO - A Energética Águas da Pedra informou que o impacto da usina para o meio ambiente será mínimo. “Para se ter uma idéia, o empreendimento terá apenas 0,24 hectare de lago e uma vazão de 300 metros cúbicos por segundo (m³/s) para gerar 261 mW”. Lembrou que o rio tem uma vazão de 1.200 m³/s, “o que quer dizer que apenas 25% do volume total da água será aproveitado para o funcionamento da usina e, o restante, correndo naturalmente para alimentar as cachoeiras”.

Dentre outros benefícios a serem gerados pela usina, destacam-se os programas de apoio às atividades turísticas, de lazer, cultura, educação básica e saúde pública.

O projeto de viabilidade técnica, econômica e ambiental do AHE Dardanelos foi conduzido pelo consórcio constituído entre a Centrais Elétricas do Norte do Brasil (Eletronorte) e a Construtora Norberto Odebrecht. Já o projeto de engenharia foi desenvolvido pela PCE Projetos e Consultorias de Engenharia Ltda e, os estudos sócio-ambientais, foram realizados pela Leme Engenharia, ambas contratadas pelo consórcio.



mais notícias


® Centrais Elétricas do Norte do Brasil S.A - Eletrobras Eletronorte - SCN Quadra 06 Conj. A, Blocos B e C, Entrada Norte 1, Asa Norte - CEP 70.716-901 - Brasília/DF
Telefone (61) 3429-5151

Copyright© Eletrobras Eletronorte. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução do conteúdo deste site, desde que citada a fonte.