Página Inicial da Eletronorte Eletronorte
» Página Inicial » Fale Conosco » Mapa do Site

Pesquise na Eletronorte:

busca avançada



Chamada Pública - Inscrição para Negócios de Geração e Transmissão Transparência Pública Transparência Pública Acesso à Informação da Eletronorte Lei de Conflito de Interesses Prestação de Contas

Eletrobras destaca Chesf e Eletronorte no desempenho do primeiro trimestre

18 de Maio de 2010; Assessoria de Comunicação Eletrobras

A capitalização das subsidiárias, realizada no fim do ano passado, e a consequente redução das despesas operacionais e financeiras dessas empresas, aliada à alta do dólar, possibilitaram à Eletrobras lucrar 413%a mais no primeiro trimestre de 2010, em comparação a igual período  do ano passado, atingindo o resultado de R$ 519,8 milhões. De acordo com o gerente da Divisão de Relações com Investidores da empresa, Arlindo Castanheira, que falou aanalistas de mercado nesta terça-feira, as empresas Eletrobras Chesf, com resultado 65% superior ao do primeiro trimestre do ano passado, e Eletrobras Eletronorte, que reverteu seu perfil de prejuízo graças a Lei 12.111/09, que alterou o sistema de subvenção dos Sistemas Isolados, foram os destaques no período. 

Além das subsidiárias, outras empresas investidas da Eletrobras também geraram retorno positivo, de R$ 658 milhões, no período. Aliado ao resultado financeiro e operacional das empresas controladas, a Eletrobras se beneficiou, ainda, da desvalorização do real em relação ao dólar norte-americano neste trimestre, que produziu um efeito positivo em R$ 228 milhões decorrente da variação cambial. Nos primeiros três meses de 2009, havia sido registrada uma perda de R$ 199 milhões. 

Ainda segundo Castanheira, os dados da subsidiária Eletrobras Furnas não fizeram parte  do resultado consolidado do  primeiro trimestre  porque a empresa não concluiu o relatório de informações a tempo,  devido  à  troca do seu sistema de gestão de acompanhamento contábil.  De acordo com o executivo, porém, os números não devem trazer surpresas. “Furnas tem um perfil muito parecido com a Chesf, portanto, quando tivermos essas informações, deve ser algo próximo da Chesf, em termos de resultados”, afirmou.

Em relação aos Ebitdas, destaque para a Eletrobras Eletronorte, que apresentou aumento de 64%, passando de R$ 217 milhões, no primeiro trimestre de 2009, para R$ 355 milhões, emigual período deste ano. Nos mesmos períodos de comparação, o Ebitda da Eletrobras Chesf passou de R$ 544 milhões para R$ 660 milhões (aumento de 21%). A Eletrobras Eletrosul também apresentou melhoria no indicador, saindo de R$ 106 milhões, nos primeiros três meses do ano passado, para R$ 119 milhões no trimestre inicial de 2010 (elevação de 12%). Já a Eletrobras Eletronuclear manteve o Ebitda no mesmo nível do registrado em 2009, de aproximadamente R$ 142 milhões,  o que também ocorreu com a Eletrobras CGTEE, que  apurou um Ebitda no mesmo nível de 2009, em torno de R$ (-)21 milhões.

Por outro lado, a inflação norte-americana, medida pelos índices Industrial Goods e Consumer Price, que incidem sobre a comercialização da energia da Itaipu Binacional, na forma de Ativo Regulatório, impactaram de forma negativa o resultado do trimestre, em R$ 581 milhões.



mais notícias


® Centrais Elétricas do Norte do Brasil S.A - Eletrobras Eletronorte - SCN Quadra 06 Conj. A, Blocos B e C, Entrada Norte 1, Asa Norte - CEP 70.716-901 - Brasília/DF
Telefone (61) 3429-5151

Copyright© Eletrobras Eletronorte. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução do conteúdo deste site, desde que citada a fonte.